Esportes Reais

Postado em terça-feira, 31 de Maio de 2016

A família real britânica é uma das monarquias mais cobiçadas do mundo e possuem uma agenda cheia de compromissos sociais, eventos de caridade, entre muitos outros. Independente disso, eles encontram tempo para a prática de esporte, seja como hobby ou a nível profissional. A escolha do esporte que o membro da família irá praticar depende da geração de cada um e/ou da paixão pelo esporte que os pais transferem para seus filhos. Porém, os esportes que sempre agradam os membros da realeza são os que envolvem cavalos. 

Hipismo

O hipismo é um esporte praticado pela família real há anos. O Rei George VI foi quem fundou a Royal Windsor Show para apresentar o melhor cavalo profissional competindo. Mais recente, a segunda neta da Rainha Elizabeth II, Zara Phillips, se tornou uma atleta de hipismo de elite e foi medalhista nas Olímpiadas de Londres. Em 2006, Zara foi eleita pela BBC Sports como a personalidade do ano pelo público britânico, assim como sua mãe, a Princesa Anne, em 1971.

Polo

Grande parte dos homens da família real são jogadores de polo, essa é uma tradição na família que é passada de pai para filho.  O Rei Edward VIII foi jogador profissional e participou de muitos torneios na década de 1920. O Príncipe Charles teve sua carreira no polo de 1963 a 2005 e sua paixão pelo esporte passou para seus filhos, os príncipes William e Harry.

Tênis

O tênis é um esporte considerado inglês e que se tornou conhecido através do Rei Henrique VIII. Desde então é um jogo adepto por vários membros da realeza. A Princesa Diana era grande fã do esporte e sempre frequentava as competições em Wimbledon, sua paixão pelo tênis também foi passada para seu filho, o príncipe William.

Rugby

O rugby é um outro esporte praticado pelos membros masculinos da família real. O filho da Princesa Anne, Peter Phillips, foi o membro real que mais se aproximou de se tornar um jogador profissional, mas sofreu uma lesão que o impediu que continuasse jogando. O príncipe William, que jogou rugby durante a universidade, atualmente é apenas um torcedor.

Tiro

A prática de tiro era considerado um momento de descanso para a família real. Quem era grande fã da prática de caça era o Rei Edward VII, que passava grande parte de seu tempo caçando aves. Sua paixão passou para seu filho o Rei George V, que foi considerado um grande atirador. Atualmente, a prática de atirar não é mais comum entre a família real, porém alguns membros quando vão para suas casas de campo, aos finais de semana, costumam praticar em pombos.